Comunidades de Tucuruí recebem capacitação ambiental

Educar, conscientizar e capacitar as comunidades de Tucuruí quanto à destinação e reutilização do lixo tem sido a principal atividade da parceria entre a Superintendência de Geração Hidráulica da Eletrobras Eletronorte e o Departamento de Educação Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente – SEMMA, que tem realizado diversas ações de sensibilização com moradores e lideranças comunitárias no município. Na manhã da última sexta-feira, 13, 34 moradores dos bairros que receberam treinamento da equipe de Educação Ambiental da OGH, ligados a Divisão de Ações Ambientais de Geração receberam seus certificados e estão prontos para disseminar essas informações e transformar o lixo em renda extra. A cerimônia aconteceu no plenário da Câmara Municipal do município e marca o encerramento das atividades desenvolvidas pela parceria entre a Eletrobras Eletronorte e a Prefeitura de Tucuruí.

O secretário municipal de Meio Ambiente André Fontana, explica que a Secretaria tem concentrado esforços em ensinar essas pessoas a fazerem a separação do lixo seco do lixo úmido (com foco na coleta seletiva) e produzir lixeiras de pneus reciclados. Para tanto, a parceria com a Divisão de Ações Ambientais de Geração  da Eletrobras Eletronorte tem sido importantíssimo, já que são os colaboradores da Estatal quem ministram os cursos e palestras.

Para Edilene Silva Nunes, da Divisão de Ações Ambientais, as ações desenvolvidas junto às comunidades servem para ajudar na mudança de hábitos e essa mudança já tem sido percebida nos bairros que já receberam as equipes de treinamento. “A gente percebe que esses bairros estão mais limpos e as comunidades mais dispostas a preservar esse ganho na qualidade de vida”, avalia.

Opinião que é compartilhada pelo presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente – Condema, Antonio Marques dos Santos. Ele observa que no bairro onde mora, o Santa Mônica, as ruas estão mais limpas e as pessoas que participaram das oficinas de capacitação têm procurado atuar como agentes ambientais, ensinando a importância de manter o bairro limpo e também cobrar ações do poder público para que serviços essenciais, como a coleta de lixo, não atrase, ou seja interrompida.

Geração de Renda

Ao todo, já foram realizadas oito oficinas e 104 pessoas já foram atendidas. E essas lideranças estão agora capacitadas para fabricar lixeiras de pneus e também repassar as informações para os moradores que se interessarem, já que as atividades, além de conscientizar, também servem para garantir renda extra para os envolvidos. É o caso do morador Roberto dos Santos, que passou a fabricar as lixeiras de pneus e revender. “O negócio é promissor e estamos pensando em montar uma cooperativa para dar conta dos pedidos”, comemora.

Conforme Ailton de Souza, do Departamento de Educação Ambiental da SEMMA, essas ações só estão sendo possíveis graças à disposição das lideranças das comunidades envolvidas, do interesse da prefeitura do município em capacitar essas pessoas e da parceria com a Eletrobras Eletronorte.

A fabricação de lixeira de pneus junto às comunidades dos bairros é um piloto da coleta seletiva que deverá ser estendida a todos os bairros de Tucuruí.

Já foram atendidos pelo programa educacional, populares dos bairros Serra Azul, Km 11, Jardim Colorado, Santa Mônica, Paravoá e Nova Tucuruí.

 Agência Eletronorte, por Denis Aragão (Tucuruí)

Sobre o autor  ⁄ Michele Silveira

Sem comentários