Quintais Produtivos e implantação de viveiros geram renda e sustentabilidade

Em 2013, a Eletrobras Eletronorte capacitou 692 pessoas nos projetos de implantação de viveiros para produção de mudas e implantação de hortas, nas comunidades dos municípios da área de influência da Usina Hidrelétrica Tucuruí. A ação é uma parceria do Programa de Germoplasma Florestal com o Programa de Educação Ambiental desenvolvidos na Empresa.

Foram implantados cinco viveiros que juntos podem produzir até 25 mil mudas por ano, contribuindo para implantação de sistemas agroflorestais, visando o passivo ambiental da região.

Outra iniciativa, o  projeto Quintais Produtivos, tem como objetivo implantar hortas em escolas e comunidades nas áreas urbanas e rurais. O projeto piloto teve início na Associação de Mulheres Moradoras das Vilas Residenciais da Usina Hidrelétrica Tucuruí, em 2013, que mantem uma produção orgânica e conseguiu obter inicialmente uma renda de mais de R$ 200 reais por mês com uma cultura diversificada.

Além desses projetos, o Programa de Educação Ambiental oferece oficinas de reaproveitamento de resíduos sólidos com a fabricação de lixeira e pufes derivados do resíduo de pneus, aplicações de patch aplique– técnica ornamental  para decorar tecidos, confecção de papel reciclável, entre outras.

quintais produtivos 021

Na foto, Edilene Sousa, pedagoga e coordenadora do Programa de Educação Ambiental e Amélia Silva, presidente da Associação de Mulheres Moradoras das Vilas Residenciais da UHE Tucuruí

 

 

Agência Eletronorte, por Érica Neiva

 

Sobre o autor  ⁄ Michele Silveira

Um comentário

  • Responder
    solange botelho
    fevereiro 3, 2014

    Muito legal. Eu já até comprei cheiro verde e alface. Adorei a iniciativa. Parabéns !!