Acre: colaborador do Programa Luz Para Todos é Ouro no Mundial de Jiu-Jitsu

Vencedor da categoria meio pesado do Campeonato Mundial de Jiu-Jítsu realizado em julho passado, na cidade de São Paulo, o acreano Alissandro França voltou para o estado do Acre com a Medalha de Ouro, a mais importante conquista da categoria.

Há dez anos no Programa Luz Para Todos na Eletrobras Eletronorte, Alissandro destaca que o esporte é capaz de mudar, para melhor, a vida de qualquer atleta, seja ele profissional ou não. Para ele, treinamento e esporte são investimentos de vida. Orgulhoso, cita o seu próprio exemplo: “Eu era fumante e alcoólatra. Depois que comecei a praticar o jiu-jítsu, minha vida ficou muito mais saudável.  Isso  foi investimento feito em favor da minha saúde e da boa qualidade de vida”, garante.

IMG-20150814-WA0010Alissandro França foi acompanhado pelo mestre Rivelino Souza, seu treinador desde os tempos da faixa branca. Na competição, dez atletas compuseram a chave e, após o sorteio, o lutador acreano fez quatro lutas, permanecendo invicto e conquistando o topo do pódio.

Sobre a conquista, ele foi enfático em dizer que foi fruto de muito trabalho. Afinal, conforme explicou, são 16 anos de treinamento. “As vitórias que tenho em minha carreira de atleta são todas gratificantes. Elas são a clara resposta aos esforços, sacrifícios e investimentos feitos ao longo desse tempo”, disse.

Convidado a dar um recado às pessoas que pretendem praticar alguma modalidade esportiva, em especial o jiu-jítsu, Alissandro França  declarou: “Não existe uma idade determinada para se começar a praticar um esporte. O que deve existir é a firme determinação e a forte vontade de fazer isso”. Prosseguindo, ensinou: “ É também importante não ter medo. O medo é consequência daquilo que a gente faz no dia a dia e, felizmente,  o esporte ajuda a superá-lo”.

Agência Eletronorte, por Leandro Alves e Camila Holsbach (Rio Branco/AC)

Sem comentários