No Maranhão, engenheiro cria solução inovadora para corrigir falhas em compensador  síncrono

O engenheiro mecânico Marcos Feitosa da Silva, da Divisão de Transmissão Presidente Dutra (OMAP), acaba de divulgar um invento que vai evitar prejuízos à Eletronorte.  Sua invenção foi concebida a partir de uma realidade conhecida na Empresa, em especial em uma subestação: sistema de circulação de água dos compensadores síncronos.

O compensador síncrono regula a Tensão do Sistema Interligado absorvendo ou gerando reativo na faixa operacional de -70 a +100 MVAR.   Conforme conta Marcos Feitosa, uma falha da bomba de circulação de água e a ocorrência de defeito nas chaves de fluxo acaba gerando elevadas perdas à Empresa, algo em torno de R$ 4,5 mi, custo correspondente ao tempo de paralisação da máquina e substituição dos mancais, além dos custos da mão de obra. “Esse prejuízo tomou como base de cálculo 25 dias de máquina parada”, explica o engenheiro.

Slide3Imbuídos na busca de melhorias contínuas dentro da Metodologia TPM, e aplicando o ciclo do CAPDo e a Análise das Causas “Por que Por que”, Marcos e sua equipe – os técnicos em mecânica Iramar Batista, Maurélio Bezerra e Paulo Oliveira  –  chegaram à conclusão que o uso diário e prolongado da chave de fluxo do sistema  de água dos compensadores síncronos provoca a perda do seu ajuste original. Isso acontece pelo fato da mola do mecanismo de acionamento da chave não estar corretamente dimensionada, o que leva a sua flambagem, ou seja, à deformação de componente estrutural quando sua altura é muito maior que a largura.   Nesse caso, ocorre a deformação na altura.

A partir dessa conclusão, Marcos Feitosa e sua equipe juntaram-se ao fornecedor para implementar o primeiro ciclo de melhoria, ou seja, a confecção de um calço de 35mm para a montagem sobre a mola nas chaves de fluxo. Segundo conta o inventor, depois de um  certo tempo de uso desse calço  realizou-se nova inspeção na chave de fluxo e observou a flambagem da mola. Ele explica:

– A partir desse resultado nós,  da equipe mecânica , partimos  para o segundo ciclo de melhoria. Fizemos a análise do dimensionamento da mola (capacidade de carga e tamanho). Feito isso, confeccionamos calços com assentamento da mola e redução do número de espirais. Chegamos, então, à confiabilidade do conjunto.  A melhoria acabou replicada para o compensador síncrono nº 2 e a intenção é replicá-la para toda a OMA e todas as Regionais da Eletronorte.

José Roberto Salomão Monteiro, gerente da OMAP, é um dos grandes entusiastas da invenção de Marcos Feitosa e equipe. Agradecido, ele parabeniza  o espírito inovador dos técnicos e reafirma sua crença na capacidade inventiva de seus técnicos. “O melhor caminho para eliminar os nossos problemas críticos é a melhoria”, atesta.

Agência Eletronorte, por Edileia Oliveira

 

5 Comentários

  • Responder
    Carlos
    fevereiro 2, 2017

    Prezados,

    Muitas congratulações ao engenheiro Marcos Feitosa pela iniciativa e solução.
    Aproveito para colocar as seguintes perguntas para reflexão: Quanto vale o Marcos Feitosa para a Eletronorte ?
    Quantos Marcos Feitosa estarão sendo estimulados a deixar a empresa e se aposentarem precocemente em troca de uma pretensa diminuição na folha de pagamento da empresa ?

    Grato pela atenção,
    Carlos Alberto Pires Rayol
    Engenheiro Eletricista

  • Responder
    Sérgio Abreu
    fevereiro 2, 2017

    Parabéns a equipe de mecânica da OMAP pela melhoria implantada. Como sempre temos externado, esse é o caminho que nos conduzirá rumo a excelência. Que as demais equipes da OMA, possam também continuar com este processo de inovação e melhorias.

  • Responder
    Deny
    fevereiro 21, 2017

    Parabéns a toda equipe da Divisão de Transmissão Presidente Dutra (OMAP) pelo excelente da trabalho, em especial os colegas Iramar Batista e Paulo Freias Oliveira. Estes contribuíram bastante na implementação de melhorias na UHE Tucuruí quando fizeram parte da equipe de manutenção mecânica. Um abraço!

  • Responder
    José Luis
    março 9, 2017

    É isso ai colega. Lhe desejo sucesso na continuidade dos processos de melhoria.
    Meus parabéns.

  • Responder
    marcio
    junho 30, 2017

    Parabéns. Inovação é o nosso diferencial no mercado. Vamos avaliar no Compensador de Marabá a possibilidade de implementação desta melhoria.
    Grande abraço.