Propostas para ampliação de Curuá-Una serão recebidas até 8 de abril

A Eletronorte publicou o edital de licitação no Diário Oficial da União (DOU), em 29 de janeiro último, para o recebimento de propostas de implantação da quarta unidade na Usina Hidrelétrica (UHE) Curuá-Una, no Pará. Com a ampliação, a UHE Curuá-Una terá a potência instalada aumentada de 30,3 MW para 42,8 MW. As propostas para este certame serão recebidas presencialmente na Empresa em 8 de abril próximo.

A Usina Hidrelétrica de Curuá-Una começou a operar comercialmente em 1977 com duas unidades e, em 1985, a terceira unidade entrou em operação, totalizando a potência instalada de 30,3 MW. A casa de força foi projetada para instalar a quarta unidade com mais 10 MW. Entretanto, os estudos e projetos básicos desenvolvidos pela Eletronorte apontaram para uma nova potência de 12,5 MW, com um ganho de 25%.

O Projeto Básico de Licitação para a ampliação de Curuá-Una foi elaborado conforme a Lei nº 13.303/2016 e o Regulamento de Licitações e Contratos das Empresas Eletrobras, ou seja, esse processo passou a ser o primeiro de ampliação de usinas a ser realizado pela Empresa nos moldes da nova legislação.

“A implantação da quarta unidade hidrogeradora da UHE Curuá-Una irá contribuir para ampliar a geração de energia renovável para a sociedade e aumentará a receita da Eletronorte, com baixíssimo impacto ambiental e social”, declara Carmo Gonçalves, gerente do Departamento de Engenharia Eletromecânica de Geração. O projeto, além de contribuir para o aumento de Receita, está alinhado ao Modelo de Excelência da Gestão (MEG) e aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. (Agência Eletronorte, por César Fechine)

Sobre o autor  ⁄ Agência Eletronorte

Sem comentários